segunda-feira, dezembro 15, 2008

Alguém me explica?

  • Alguém me explica porque não é de esquerda pretender que os professores sejam avaliados pelos orgãos de gestão das escola e progridam na carreira de acordo com o seu desempenho medido por essa avaliação?
  • Alguém me explica porque não é de esquerda pretender que os professores, dentro de certos parâmetros, ganhem em função do seu efectivo desempenho, mediante avaliação pela hierarquia competente?
  • Alguém me explica porque não é de esquerda pretender que a nota de um curso, muitas vezes completado há 20, 30 ou 40 anos, juntamente com a antiguidade não sejam os únicos ou fundamentais elementos para a colocação de um professor?
  • Alguém me explica porque não é de esquerda pretender que o valor das licenciaturas dos professores não seja todo ele idêntico, para uma mesma nota final de curso, mas ponderado em função do prestígio e grau de exigência da universidade onde se obteve essa licenciatura?
  • Alguém me explica porque não é de esquerda pretender que um professor colocado numa escola em zona problemática ou responsável por uma turma com mais dificuldades de aprendizagem seja melhor remunerado do que um outro colocado numa zona urbana privilegiada ou leccionando turmas compostas maioritariamente por alunos oriundos da classe média?
  • Alguém me explica porque um professor de matemática, português ou inglês, disciplinas básicas na formação de um aluno e que normalmente exigem maior esforço didáctico e mais empenho, não possa ter melhores condições de remuneração do que um outro leccionando “Trabalhos Oficinais ou “Estudo do Meio”?
  • Alguém me explica porque se convencionou não ser de esquerda conceder maior autonomia às escolas na sua organização e na contratação dos seus docentes, desde que cumpridos certos padrões universais?
  • Alguém me explica porque não é de esquerda pretender que, dentro de certos limites definidos pelo ministério da educação, uma escola, se o pretender, não possa ter um certo grau de liberdade na gestão do seu orçamento, inclusivamente remunerar ou formar melhor os seus recursos humanos ?
  • Alguém me explica porque não é de esquerda exigir que um professor, para além das suas funções pedagógicas (preparar e dar as aulas), tenha o seu papel obrigatório na melhoria da organização e desenvolvimento da estrutura escolar, incluindo ligação à comunidade e angariação de fundos junto desta de modo a permitir melhorar as condições oferecidas aos alunos?
  • Enfim, alguém me explica porque todas estas medidas, essenciais á melhoria da escola pública objectivo que é suposto a esquerda defender, são atacadas por sindicatos e partidos que se dizem de esquerda? Serão?

8 comentários:

Karocha disse...

JC
Você está a pedir muitas explicações.
Isso costuma ser a minha área!
Para o ajudar:
Alguém me explica porque é que os corruptos não são presos?
Alguém me explica porque é que banqueiros que cometem crimes não são presos?
Alguém me explica porque ou quem é que pôs este Pais neste estado?
Alguém me explica porque é que o Sr. Conselheiro de Estado não se demite?
Alguém me explica como pode estar hasteada no Palácio de Belém uma bandeira de croché que só foi arreada porque um blog passou a palavra e o PR não teve outro remédio?

JC disse...

Olhe, Karocha, se quiser fazer o favor e tiver "pachorra" de visitar "posts" anteriores do meu "blog" (desde já, agradeço) encontrará muitas respostas às suas perguntas. Idem se continuar atenta aos futuros. Não é por preguiça ou desinteresse que não respondo agora: é que as respostas são demasiado longas e complexas para um comentário apenas. Mas deixo-lhe links para dois posts s/ a questão da corrupção: http://eusouogatomaltes.blogspot.com/2007/12/noite-do-porto.html

http://eusouogatomaltes.blogspot.com/2006/10/das-origens-da-corrupo-no-portugal.html

Pode começar por aí, se tiver paciência. Quanto a essa da bandeira de "croché", não conheço. Mas mande pormenores c/ foto, se possível

Karocha disse...

Vou vasculhar o seu blog todo :-)
Quanto à bandeira de croché eu nem queria acreditar se não tivesse visto.
Já lhe mando o link

Karocha disse...

http://braganzamothers.blogspot.com/

Karocha disse...

JC
Se for a esse blog não deixe nenhum comentário como JC.
Não sei quem eles são, estão muito bem informados e para dizerem o que dizem são todos anónimos.
Em arquivo tem lá a foto, porque eu burra quando fui a Belém esqueci-me de levar a máquina, fui lá só por ir, eles andavam há meses a falar nisso, eu nem queria acreditar no que estava a ver...

JC disse...

Ok, obrigado.

ARISTIDES DUARTE disse...

Até tudo pode ser de esquerda , menos isto:"Alguém me explica porque não é de esquerda exigir que um professor, para além das suas funções pedagógicas (preparar e dar as aulas), tenha o seu papel obrigatório na melhoria da organização e desenvolvimento da estrutura escolar, incluindo ligação à comunidade e angariação de fundos junto desta de modo a permitir melhorar as condições oferecidas aos alunos?"
Angariação de Fundos?

JC disse...

Caro Aristides Duarte:
Se na ligação que uma escola pública deve ter c/ a comunidade, principalmente em meios pequenos, os professores puderem conseguir que as empresas e entidades da região colaborem c/ a escola, no sentido de a melhorarem, inclusivamente contribuindo financeiramente, e isso permita a melhoria dos salários dos professores, das condições pedagógicas, instalações, etc, qual o problema? Não vejo qual...