sexta-feira, novembro 07, 2008

Parabéns ao SCP. Mas... uma "proeza histórica"?...

Sim, eu sei que não se pode levar a imprensa desportiva muito a sério. Mas eu, se fosse sportinguista, um clube com uma história centenária recheada de êxitos entre os quais uma vitória na Taça das Taças e uma presença na final da Taça UEFA, para só falar no futebol, sentir-me-ia ofendido se lesse que o facto da minha equipa ter conseguido chegar, pela primeira vez, aos 1/8 de final da Champions League, mais a mais num grupo “a jeito”, era considerado uma proeza histórica! Teve todo o mérito, claro, mas haja algum bom senso e sentido das proporções!

2 comentários:

VdeAlmeida disse...

Meu caro JC

Costumo dizer que não me ofende quem quer...
Mas bom, não me tomo pelo universo sportinguista, mas parece-me que todos nós, os sportinguistas - e eu sou mesmo daqueles que o são desde o nascimento - já nos habituámos às bizarrias da imprensa portuguesa.
Razão tinha Paulo Bento, na conferência de imprensa após o jogo, ao afirmar que o "lançamento" do jogo feito por alguma imprensa tinha sido desprezível (nojo, acho que foi a palavra usada). Se se quiser dar ao trabalho, veja a capa dos jornais desportivos desse dia, e ser-le-á fácil verificar da legitimidade da indignação de PB, que por vezes é acusado de ser demasiado truculento.
E já nem falo de O Jogo. Assim, a Bola - que hoje por hoje já nem se dá ao trabalho de clamar a sua independência clubística - dava capa a Suazo e ao golo 5.000 do Benfica na Liga. Entretanto na capa do Record, a matéria de destaque era o aniversário de Aimar e a respectiva entrevista exclusiva.
Face a isto, acho um desperdício perder-se tempo e atenção com estes senhores, e desejar que, como eu, muitos sportinguistas deixem de contribuir para o peditório deles, deixando de comprar os seus jornais.

Um abraço

JC disse...

Eu já não os compro há mtº tempo. Limito-me, nos dias a seguir aos jogos, a folheá-los ali na loja de conveniência.
Abraço