quarta-feira, agosto 10, 2011

David Cameron

Contrariamente ao que David Cameron afirma, o problema não é "existirem partes da sociedade que estão doentes". Trata-se de um diagnóstico errado e a seguir por esse caminho Cameron não chegará a parte alguma: repetirá os mesmos erros que nos trouxeram - a todos - a esta situação explosiva. O que existe, isso sim, é um modelo de desenvolvimento que gerou nos últimos 20 ou 30 anos uma sociedade pouco saudável, se quisermos, doente no seu todo. 

Claro que é agora indispensável reprimir e restaurar a ordem pública rapidamente; defender a propriedade, pessoas e seus bens. Levar desordeiros perante a Justiça que não deixará de os responsabilizar pelos seus actos. Mas o próprio modo como isso for feito, sem que o que digo possa ser interpretado como apelo a qualquer tipo de brandura ou capitulação mas apenas como necessidade de se respeitar, ao impor o primado da lei, a letra e o espírito do Estado de Direito Democrático britânico, não é indiferente para se mostrar a todos, prevaricadores e vítimas,  que se percebeu o que está em causa e que se saberá agir também a montante dos problemas para evitar uma sua qualquer repetição. É esta, agora, a tarefa fundamental de David Cameron e do seu governo.  

7 comentários:

Anónimo disse...

JC
não é bem um comentário sobre o seu wishful thinking (não serão os herdeiros daquilo que nos trouxe a esta situação quem irá saber mudar o rumo das coisas, Gorbachov não há muitos e as suas circunstâncias também não).
É sobretudo para alertar que os problemas na consulta do Gato continuam e agravam-se, começando a tornar penosa a visita a este oásis de bom senso (mesmo que muitas vezes em desacordo...): a abertura da página está lentíssima, faz sempre um grande salto para junto do calendário, muitas vezes, na saída, bloqueia o navegador... Pelo menos com o Safari num velho Mac, como é o meu caso, mas em comentários anteriores já vi que acontecem problemas semelhantes com outros visitantes.
Não sei se é possível remendar isto, os problemas começaram na altura da publicação do Eve of Destruction (pode ser só coincidência mas eu desconfio muito das coincidências, deve ser da idade).
Cumprimentos
carlos

JC disse...

Bom... Em 1º lugar mtº obrigado pelo elogio, embora a teoria do oásis não nos tenha conduzido a nada de bom :-)
Quanto ao resto, vou ver o que posso fazer- No meu computador não tenho problemas, bem como em outros que por vezes, e esporadicamente, uso. Vou ver o que posso fazer, claro, e mtº obrigado pelo alerta.
Cumprimentos

JC disse...

Já agora, Carlos:reconheço o "blog" estará um pouco pesado, mas verifique, p.f., a velocidade da sua "net" e tb se o seu computador não estará já mtº lento.
Mtº obrigado.

Anónimo disse...

Pois, aquela do oásis não foi muito inspirada ;)
Mas pegando na deixa do bom senso, este é, para mim, um dos mistérios da Criação: como é que para qualquer paisano são evidentes erros crassos em tanta intervenção no espaço e nos equipamentos públicos (da localização das paragens dos autocarros à gestão do estacionamento na cidade, da concessão dos quiosques ao arranjo das praças e jardins, da iluminação das ruas à articulação entre transportes públicos, e um longo etc.) e tantos especialistas e estudiosos dessas coisas demoram eternidades a emendá-los (quando, até, deveriam era evitá-los)? Atenção, não estou a falar do gosto, sempre discutível mas num outro plano.
Quanto aos problemas do funcionamento do blog, é perfeitamente possível que a lentidão se deva à vetustez do Mac e do Safari (por exemplo, tenho resultados melhores quando uso o Firefox, mas não gosto deste navegador), mas o salto na página e os problemas no encerramento da visita mantém-se. Nada que me impeça de continuar leitor...
Cumprimentos
carlos

JC disse...

Experimente o Google Chrome; há quem se dê bem, embora eu não goste. Quanto ao resto, quem escreve e "manda palpites", académico ou simples "blogger", não tem de se preocupar com o ter ou não força e capacidade política para impôr soluções. Esse - loobies, grupos de pressão, tráfico de influências - é o problema. JPP, que goste-se ou não é um inteligete observador da realidade política quando não lhe dá para se transformar em M-L e em Jdanov, tem escrito coisas interessantes s/ o assunto no "Público", "Sábado" e "Abrupto".

Anónimo disse...

Caro JC

Caso seja do seu interesse poderá verificar o tempo de carregamento da página do blog introduzindo o endereço do mesmo, aqui:
http://tools.pingdom.com/
Existem de facto alguns componentes com tempo de carregamento mais elevado
É apenas uma curiosidade. Tal como diz um comentador anterior...nada que impeça a leitura do blog. É apenas uma questão de paciência...e no estado actual (do país e do mundo) é também do que mais precisamos.

Cumprimentos

JC disse...

Thanks a lot!